AVC em Crianças e Adolescentes.

A ABENEPI apoia a Campanha de Conscientização sobre o AVC em Crianças e Adolescentes.

Uma em cada 3.000 a 4.000 crianças pode  ter  AVC e,  aproximadamente, metade desenvolve  ao longo da vida anormalidades cognitivas, motoras,  sendo que  1/3 delas, pode ter recorrências.

Inúmeros  são os fatores de risco a serem observados do ponto de vista clínico nas crianças em todas as idades (período perinatal, lactentes, pré escolares, escolares, adolescentes). È importante realçar a possibilidade de AVC no feto, decorrente de anormalidades gestacionais. Os conhecimentos referentes ao AVC na infância se mantêm subvalorizados entre os profissionais da saúde (médicos e não médicos) sendo que as crianças incluídas, em sua maioria, recebem o diagnóstico de Paralisia Cerebral. Todavia, existe consenso mundial estabelecido pelo IPSS (International Pediatric Stroke Study) da necessidade de pesquisas  a essa importante anormalidade, direcionadas aos aspectos clínicos, neurológicos, tratamento, orientação fisioterápica, fonoaudiológica, neuropedagógica, e comportamental.

Diante da relevância desta anormalidade, com expressivo envolvimento psicoemocional dos familiares, nos Estados Unidos foi implantado o dia Nacional de Conscientização do AVC na Infância e Adolescência, comemorado no mês de maio.

avc-em-criancas